Contributo da Massagem na Fibromialgia


O tratamento da fibromialgia é multidisciplinar e deve ser adaptado a cada doente.

Normalmente engloba tratamento farmacológico, psiquiátrico, psicológico com psicoterapia coadajuvante,

exercício físico e outras terapias complementares.

Um estudo do ano 2000 sobre o uso de terapias complementares que abrangeu 60 indivíduos com fibromialgia mostrou que mais de 90% dos doentes usavam as terapias complementares visando o alívio dos sintomas, sendo que cerca de 75% recorriam à massagem como tratamento adjuvante.

Outro estudo do ano 2002 analisou os efeitos da massagem no número de horas de sono assim

como na qualidade do mesmo e na dor dos pacientes com fibromialgia. Concluiu-se que o

número de horas de sono aumentou assim como houve uma melhoria na qualidade do mesmo,

os níveis de ansiedade e depressão diminuíram, a dor generalizada diminuiu

e os pontos de hipersensibilidade dolorosa também diminuíram.

Resumindo, a massagem pode contribuir para:

» diminuir a dor generalizada

» diminuir a hipersensibilidade dolorosa em pontos específicos

» diminuir a ansiedade

» diminuir os sintomas depressivos

» diminuir a fadiga

» aumentar o número de horas de sono

» melhorar a qualidade do sono

» melhorar a qualidade de vida

Respondendo à pergunta da publicação anterior "Poderá a massagem dar o seu contributo?", SIM PODE!


60 visualizações

COIMBRA | oasis.saude.geral@gmail.com |934509893

 

2017 por OÁSIS SAÚDE

  • Facebook
Kriscer Associação
Dynamic gym
Kriscer Associação